PHP init_set o que é??

As configurações do php independentemente da plataforma em que corre são por defeito feitas num ficheiro que se chama php.ini , quem precisa de alterar uma das confiurações para um script especifico ou não tem acesso a editar o php.ini pode contornar isso usando a função init_set a sintaxe é a seguinte:

init_set (“Nome_Parametro”, “Valor_parametro”);

Esta função retorna false no caso de por alguma razão o parâmetro não ter sido alterado e retorna o valor antigo no caso da alteração ter sido bem sucedida!

Se por exemplo quisermos alterar o limite de memoria alocável podemos usar o init_set da seguinte forma:

ini_set(“memory_limit”,”64M”;

Nem todas os parâmetros do php.ini são alteráveis, não encontrei nenhuma lista dos parâmetros alteráveis, mas é fácil quando usarem esta função se a sintaxe estiver correcta e se o valor do parâmetro for válido e mesmo assim a função retornar false é porque provavelmente descobriram um parâmetro não editável em runtime!

PHP Geoip – Fatal error: Allowed memory size of…

Para aqueles que estão a usar o código que disponibilizei neste post sobre a API do GeoIP, ou que usam o GeoIP de qualquer outra forma!

Hoje uma das aplicações em PHP que fiz utilizando a API do GeoIP, começou a dar um erro “Fatal error: Allowed memory size of 33554432 bytes exhausted (tried to allocate 27609379 bytes) in /path_para_o_site/my-ip-info/geoipapi/geoip.inc.php on line 316

A primeira coisa que fiz foi tentar com o init_set do PHP aumentar o “memory_limit” do PHP (ini_set(“memory_limit”,”64M”);) que não deu resultado apesar do valor a alocar fosse bastante mais baixo do que o limite.

Após vários testes falhados alterei um parametro na linha em que crio o apontador para a base de dados e ficou a funcionar correctamente! Na linha onde estava “$gcity = geoip_open(“db/GeoLiteCity.dat”,GEOIP_MEMORY_CACHE);” passou a estar “$gcity = geoip_open(“db/GeoLiteCity.dat”,none);” ficou a funcionar embora se note uma pequena perda de velocidade quase imperceptivel mas está mais lento!

Depois de o problema estar resolvido fui ao site da MaxMind dar uma vista de olhos e encontrei um benchmark dos diferentes tipos de cache que se pode ter e qual o numero de queries/segundo conforme o tipo de cache!

Sistema simples de cache com PHP…

Muitas vezes quando criamos um site e por pelas mais diversas razões surge necessidade de recorrer a um mecanismo de cache, uma das principais razões é a performance.

E em que é que cache influencia a performance? Imagina-se o ficheiro teste.php com 500 linhas de código com ligações a MySQL etc etc, é mais rápido se o ficheiro de output já estiver “feito” e só o actualizar de x em x temp, senão cada pedido seria 500 linhas de código assim serão 10 ou 20 conforme o mecanismo de cache a usar, temos que ter em conta que se nesse código existirem queries ao MySQL isso degrada ainda mais a performance.

Estou a criar uma classe de cache que de uma forma muito simples faz cache do output de qualquer script php inclusive se este tiver dados passados pelo método GET.

A classe pode ser muitissimo melhorada para já só faz o que se propõe que é verificar se um ficheiro já se encontra em cache, se o mesmo estiver cria o output para o cliente, se ainda não existir cache é criado um buffer com o output da página pedida e cria um ficheiro em cache com o conteúdo do mesmo, que será servido no próximo pedido…

O código da minha classe é o seguinte:

O post está dividido porque é muito extenso!!…

Continuar a ler Sistema simples de cache com PHP…

GeoLite City

Respondendo ao comentário neste artigo que pergunta se é possivel detectar a cidade com o GeoIP, e resposta é sim, tem que é que usar outra base de dados também gratuita que é GeoLite City a API para usar está aqui….

Segue um exemplo da utilização da API e da base de dados em PHP:


<?php

//incluir os ficheiros necessários

include("geoipcity.inc.php");

include("geoipregionvars.php");

//abrir a base de dados

$gcity = geoip_open(“GeoLiteCity.dat”,GEOIP_MEMORY_CACHE);

//Usar a função para iniciar a classe que nos irá fornecer os dados

$record = geoip_record_by_addr($gcity,$endereço_ip_a_testar);

// as variaveis que a classe nos diponibiliza são as seguintes

$paisCodigo = $record->country_code;

$paisCodigo3 = $record->country_code3;

$paisNome = $record->country_name;

$regiaoCodigo = $record->region;

$regiaoNome = $GEOIP_REGION_NAME[$record->country_code][$record->region];

$cidadeNome = $record->city;

$cidadeCodPostal = $record->postal_code;

$latitude = $record->latitude;

$longitude = $record->longitude;

$dma_code = $record->dma_code;

$area_code =$record->area_code;

?>

Já agora podem ver um exemplo criado por mim usando o GeoIP aqui